Copyright 2010 Mestre Arfaern. All rights reserved. Web Hosting by Yahoo

Mestre Arfaern, São Paulo, São Paulo , Brazil
dom@mestrearfaern.com

Relacionamentos BDSM:

A Poligamia é obrigatória?


24/01/2018


A Poliandria - um casamento de uma esposa com múltiplos maridos - é muito mais rara, pois os casamentos
entre uma mulher e vários homens receberam menos apoio social, político e cultural do que ter relações
poligênico.

BDSM é um estilo de vida alternativo que tem vários conceitos que fez é bastante diferente dos
relacionamentos da corrente principal.

Por causa dessas diferenças, o BDSM também é bastante controverso. Uma das principais controvérsias
enfrentadas pelo BDSM é o aspecto da poligamia em um relacionamento BDSM. A poligamia tem várias
ramificações para uma pessoa em suas vidas pessoais. Por um lado, se uma pessoa é casada em um
relacionamento alternativo, a poligamia é ilegal em quase ou na maioria dos países em todo o mundo. De
fato, o estilo de vida alternativo em si pode ser considerado ilegal em alguns países ao redor do mundo.

Além dos aspectos legais, a poligamia tem vários aspectos mentais e físicos relacionados a ela, o que o torna
um dos conceitos mais complicados e cruciais no BDSM. Estar em um relacionamento poligâmico nunca é
fácil, e estar em uma relação BDSM com a poligamia é quase impossível se não tiver a cabeça preparada
porque temos influencias profundas por causa da nossa educação baunilha, e ela criou vários tabus e
normas morais. Embora pareça que para o dominante é mais simples porque ele ou ela consegue controlar
duas ou mais submissas, não é assim fácil, porque ele/a tem que saber administrar as/os submissas/os,
administrar o cotidiano e mental das pessoas submissas a ele.

De fato, a psicologia do relacionamento entre três ou mais pessoas em um relacionamento pode ser tão
intensa e complicada como qualquer relacionamento a dois, se a dominante não é cuidadoso e ter suficiente
madures, será difícil administrar as submissas. O ciúme vem naturalmente a certos indivíduos e, enquanto
os ciúmes abertos são prejudiciais ao relacionamento, é necessário sempre uma certa quantidade de ciúmes
para manter o relacionamento crescendo e diminuindo. Devemos lembrar que um dos aspectos mais
importantes do BDSM é uma submisa sendo receptivo e agradável ao dominante.

Escusado será dizer que uma pessoa pode ser receptiva ou agradável a outra apenas se houver uma relação
de respeito e compaixão entre eles. Este respeito e compaixão podem ser muito sabotados se a pessoa vê
que existe alguém que tenha os mesmos sentimentos em relação ao dominante e que esses sentimentos
tenham sido respondidos pelo dominante também.

A poligamia não é um aspecto obrigatório no domínio do BDSM. Existem várias relações BDSM que
compõem apenas o dominante e o submisso, de fato, o número de relações poligâmicas é bastante menor
em relação ao número de relações monógamas nestas relações BDSM.

Antes de pretender entrar em qualquer relacionamento, seja em um estilo de vida alternativo ou no estilo de
vida convencional, certifique-se de que você sabe o que está entrando. É uma boa ideia perguntar ao
dominante se eles acreditam ou seguem estes estilos de vida polígamas ou monógamas. Além disso,
enquanto você está nisso, você pode até esclarecer ao dominante que você jamais pensaria estar em uma
relação polígama. Se as respostas do dominante sejam afirmativas, você deveria pensar bem e decidir se
você estaria bem e se ajustaria bem em uma relação polígama ou monogâmica BDSM.

Na verdade, eu acredito, hoje a poligamia é sim praticada no BDSM por doms e domes e subs, e na vida
baunilha tem muitos os fazem mais a escondida, porque a questão do matrimonio hoje não todos acreditam,
e no BDSM a relação D/s e consensual, se essa relação poligâmica BDSM faz bem a eles, eu acredito que
esta certo, por isso estamos no BDSM e não no mundo Baunilha que este amarrado a morais e tabus.


Sejam felizes, pratiquem o que for feliz para vocês!



Mestre Arfaern

Aos que precisam de ajuda e esclarecimento sobre BDSM, e só mandar email para mim, com prazer estarei ajudando aos que precisam