Copyright 2010 Mestre Arfaern. All rights reserved. Web Hosting by Yahoo

Mestre Arfaern, São Paulo, São Paulo , Brazil
dom@mestrearfaern.com
Aos que precisam de ajuda e esclarecimento sobre BDSM, e só mandar email para mim, com prazer estarei ajudando aos que precisam
Sádico

É o praticante ativo (TOP) no BDSM que encontra sua plenitude no S&M (sadomasoquismo) e caracteriza-
se pelo uso da prática de infringir dor, castigos e torturas às escravas como forma de prazer (.. mútuo –
afinal, não nos esqueçamos do "consensual" sempre presente). É o mais fácil de se classificar, pois sua
definição consta de qualquer dicionário.
Sadismo

Prazer erótico com o sofrimento alheio.
Sadomasoquismo

Totalização dos termos sadismo e masoquismo. Normalmente "sadomasoquismo" o termo sugere
atividade consensual mútuo para efeitos de excitação sexual que envolve algum tipo de dor, restrição ou
dominação. A derivação do prazer de infligir dor física ou mental, quer por outros ou por nós mesmos.
Safeword

A palavra, frase ou sinal os participantes concordam em que tem o significado de um sinal de stop - todo
o jogo tem que parar imediatamente quando o sinal está dado.
Saliromania

Praticas e prazer associados ao suor.
Sarilofilia

Fetiche por saliva ou suor.
São

Sadio, higiênico, salutar, justo, íntegro, consciente, sóbrio, maduro.
Scat

É a prática de manipular ou ingerir fezes. É uma forma extremada de humilhação e pode perfeitamente
ser usada dentro de uma cena
Seda / cetim

é um fetiche sexual relativas ao vestuário ou outros artigos de tecido de seda ou cetim. Geralmente é
direcionada para pessoas vestindo seda ou cetim, mas também pode ser direcionada para as roupas em si.

Fetichistas são atraídas para a seda e cetim tanto por causa de suas propriedades físicas (maciez,
suavidade cortina, e brilho) e sua associação com elegância, glamour, romance e opulência.

Os principais materiais são charmeuse de seda (tecidos de seda para que ele tenha um brilho) e cetins
(tais como o cetim de acetato de rayon e cetim), mas outros materiais com propriedades semelhantes,
como spandex e poliéster também são admiradas.

Pessoas que se dedicam a esse tipo de fetiche por vezes são também conhecidos como Satinists.
Seguro

Prudente, comedido, cauteloso, responsável e respeitoso. Refere-se também à segurança física,
psicológica e o respeito à vida pessoal, familiar e profissional da escrava (e, claro, também do
Dominador).
Seminophagia

é o ato de ingerir o sémen ou de gratificação erótica, para o valor nutricional ou por acidente. Fontes de
sêmen de machos sejam humanos ou animais do sexo masculino. Seminophagia pode acontecer
inevitavelmente quando o sexo oral é realizada.
Serpent's Tongue (língua de serpente)

Um tipo de percussor feito de uma tira grossa de couro, dois ou três centímetros de largura, com um
corte profundo em "V" na maior parte do comprimento da peça. Comumente, a alça terá uma espessura
dupla com um anel costurado no fim - um brinquedo muito desagradável.
Serva

É Escrava.
Serviçal Pessoal

Escrava dedicada a tarefas domésticas e pessoais do Dono. Não se transforma em empregadinha, pois
mantém sua condição, visual e atitudes de escrava, não de empregada.
Sessão

Período de tempo (geralmente num local específico- Motel/masmorra) onde se desenvolve com maior
intensidade e ininterruptamente o jogo BDSM. Sessão pode ser definida como um conjunto de cenas ou a
“encenação” do BDSM (pelos adeptos da teoria de que BDSM seja teatro).
Sexo

Constante, usual e prazeroso no BDSM, mas não obrigatório, podendo este se resumir a cenas e jogos de
dominação e sadomasoquismo.
Sexo Anal

Cópula com a substituição da vagina pelo anus para penetração.
Sexo em público (agorofilia)

Pratica que no BDSM se expande também para a dominação, tortura, humilhações e cenas em geral.
Sexo Oral

Prazerosa prática baunilha amplamente utilizada no BDSM, mais como imposição do ato à escrava que
como concessão do Mestre a ela.
Shibari

Bondage japonês, praticado com o uso de cordas específicas que deixam desenhos no corpo da “Dorei”.
Silver Tape

Fita prateada e larga com forte poder adesivo, utilizada como eficiente mordaça, ou mesmo para “wraps”
Sitophila

O desejo de comer alimentos fora do corpo de outra pessoa. Dependendo da consistência do alimento
utilizado, esta fronteira pode sobre o fetichismo molhado e bagunçado.
Sling

Balanços ou outras formas de apoio ou suspensão a partir do qual uma pessoa pode se envolver em sexo.
SM ou S&M (sadomasoquismo)

Prática BDSM  centrada na dor.
Socratismo

Estimulação anal por Introdução do(s) dedo(s). Introdução dos dedos no ânus para obter prazer sexual. O
filósofo Sócrates, dizem, gostava de fazer isso, daí o nome. Quando se introduz o punho no ânus ou na
vagina com a finalidade de obtenção de prazer sexual chama-se fistfucking.
Sodomia

Ato de se penetrar o anus. Em sentido restrito, o sodomita é o praticante ativo.
Spanking

Cenas de espancamento. Nome utilizado dentro da comunidade BDSM para o ato de bater.
No Brasil, spanking engloba o ato de bater com as mãos, chicote, vara, chinelo ou palmatória. Nos
Estados unidos e Europa, há uma distinção entre o Spanking, Whipping e "Canning". "Whipping" é
qualquer atividade que envolva chicotes e Canning, que envolva varas. (bambu, rattan, etc.).
Spanko

Um Spanko, ou Spankophile, é alguém que tem seus interesses BDSM principalmente enraizados em
fazer e ou receber palmadas eróticas e ou outras formas de jogo de impacto .

O termo pode ser mais separado nas noções de:
Spanker: uma pessoa que gosta de outros.
Spankee: uma pessoa que gosta de ser espancada.
Spread Bar

Uma barra rígida anexado algemas de tornozelo ou no pulso. Concebido para prender as pernas ou os
braços separados. Ver “Barra extensora”
Submissa

Uma pessoa que dá o controle a outra pessoa. Ver ”escrava”
Submissão

Segundo o dicionário Aurélio: obediência, sujeição, subordinação, docilidade, servilidade, humildade e
subserviência.
Suspensão

Técnica de imobilização onde o peso da escrava é total ou parcialmente suspenso. Esta prática requer
cuidados especiais com o equipamento, sua resistência, fixação, tempo de permanência e posição da
escrava.
Sucção

Sucção da pele, mamilos ou órgãos genitais, realizada com o auxílio de bomba de vácuo manual ou eletro-
mecânica. Normalmente utiliza-se uma seringa de injeção preparada para tal.
SSC (São, Seguro e Consensual.)

A importante tríade que separa o aceitável e o condenável no BDSM. Tudo que possa ser classificado
como SSC é aceitável no BDSM, por mais que para alguns (ou nós mesmos) pareça um exagero ou
absurdo. Da mesma forma, qualquer coisa que venha a ferir um dos elementos da tríade deve ser
execrado e condenado, por mais que possa, a princípio, parecer um insignificante detalhe.
Strappado

Imobilizar os braços atrás das costas pelos pulsos
Swing

Pratica entre casais que consiste em se permutar os parceiros. É o que se chama popularmente DE
TORCA DE CASAIS. Quando os casais que decidem, conscientemente, transar com outros casais.
Switcher

Aquele que se agrada do BDSM tanto como dominador/sádico, quanto como escravo/masoquista,
praticando-o em ambas as posições, seja com um mesmo parceiro, seja com parceiros diferentes.